Nota de Pesar – Singeperon lamenta falecimento de presidente do Sindasp

O Sindicato dos Agentes Penitenciários e Sócio Educadores de Rondônia (Singeperon) vem a público lamentar com dor e pesar a morte do presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários de São Paulo (Sindasp), Daniel Grandolfo, de apenas 37 anos.

 

Ele faleceu durante a madrugada desta quinta-feira (12), após lutar pela vida na UTI de um hospital de São José do Rio Preto (SP).

 

Daniel estava no carro que sofreu um grave acidente, na manhã da quarta-feira (11), onde também morreram instantaneamente os diretores do Sindasp, José Cícero de Souza, conhecido como “Lobó”, que tinha 54 anos e Edson Chagas, conhecido como “Cebolinha”, de 57 anos.

 

Os três estiveram terça-feira (10), em Brasília, para acompanhar a votação no Senado da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 14/2016, que cria a Polícia Penal Federal nos estados e no Distrito Federal. A votação não ocorreu por falta de quórum no Senado.

 

Daniel Grandolfo está na história como um dos que defenderam a Polícia Penal.

 

A diretoria do Singeperon envia os pêsames e os mais sinceros e profundos sentimentos à família e amigos que perderam seus entes queridos.

 

“Aqueles que amamos nunca morrem, apenas partem antes de nós”.

 

A diretoria do Singeperon. 

MENSAGEM RÁPIDA

2013 -SINGEPERON - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS