TRANSPOSIÇÃO: DEPUTADO ANDERSON DO SINGEPERON COBRA AGILIDADE NOS PROCESSOS DE SERVIDORES, QUE AGORA VOLTAM A TRAMITAR NORMALMENTE EM BRASÍLIA

 

Foto: Dep. Anderson do Singeperon (PV) durante visita ao Ministério do Planejamento Orçamento e Gestão. 

 

A lentidão no processo de transposição de servidores públicos continua trazendo prejuízos para Rondônia. Um exemplo são os servidores mais antigos que, pela idade avançada, acabam tendo que se aposentar compulsoriamente. Esta semana, o Deputado Estadual Anderson do Singeperon (PV), voltou a se reunir em Brasília com a Comissão de Transposição no Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. O Parlamentar cobrou agilidade nos processos de transposição dos servidores do sistema penitenciário que estavam travados junto a Comissão Especial dos Ex-Territórios Federais de Rondônia, do Amapá e Roraima (CEEXT).

 

A boa notícia é que foi resolvido o entrave relacionado a informação de escolaridade dos servidores, e os processos dos agentes penitenciários voltaram a tramitar normalmente. Na ocasião, o parlamentar deu entrada nos requerimentos de agentes penitenciários de 1984, que agora, também tramitam na Comissão de Transposição do Ministério do Planejamento.

 

“Sempre estive ao lado da categoria, e agora como Deputado, que posso estar cobrando de perto a transposição, que não vou esmorecer. Vou cobrar quantas vezes for necessário! Tem agente penitenciário sendo prejudicado ao se aposentar compulsoriamente, e isso não dá para aceitar. ” Afirmou o Deputado Anderson.

 

O advogado do Singeperon, Gabriel Tomassete, vem conduzindo os trabalhos jurídicos com vista a garantir e resguardar o direito à transposição dos filiados aptos. 

 

ASCOM/Singeperon 

MENSAGEM RÁPIDA

2013 -SINGEPERON - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS
Powered by Modal Popups